Em palestra didática, usuários da Jucese aprendem mais sobre balanços

NOTÍCIAS

Em palestra didática, usuários da Jucese aprendem mais sobre balanços

Fórum de Capacitação promovido pela Jucese, em parceria com o Sindcont, teve ampla participação de profissionais da Contabilidade em busca de esclarecimento de dúvidas
 
FÓRUM DE CAPACITAÇÃO SOBRE BALANÇOS 7
 Palestra sobre balanços foi proferida pelo presidente do Sindcont, o contabilista Elson Amorim
 
Com auditório praticamente cheio, os usuários da Junta Comercial do Estado de Sergipe (Jucese), na última segunda-feira, 14, através do Fórum de Capacitação sobre Balanços - realizado pela autarquia em parceria com o Sindicato dos Contabilistas do Estado de Sergipe (Sindcont/SE) - tiveram a grande oportunidade de esclarecer dúvidas sobre a temática. 
 
“Feliz em ver a casa cheia. Vocês não sabem a alegria de recebê-los aqui para aprender, discutir mais sobre o registro empresarial, sobre o registro de balanços na Junta Comercial. Através destes fóruns de capacitação, lutamos para simplificar a vida dos senhores”, ressaltou o presidente da Jucese, George da Trindade Gois. 
 
Antes do início da palestra sobre balanços - proferida pelo presidente do Sindcont, o contabilista Elson Amorim Simões -, o presidente George Trindade fez todo panorama a respeito da temática na Jucese. “No ano passado, começamos a modificar a análise, a interpretação dos balanços protocolados na Junta Comercial para arquivamento, gerando-se a Resolução Plenária Nº 7/2017”, informou.
 
“O vocalato da Jucese teve uma participação importantíssima, ímpar, na construção desta Resolução Plenária que normatizou a forma de apresentação e análise de balanços, bem como o Conselho Regional de Contabilidade. Enalteço aqui a participação do CRC, que identificou que vários balanços registrados na Junta Comercial não estavam em conformidade com as normas contábeis”, afirmou George Trindade.
 
EXIGÊNCIAS E RECLAMAÇÕES 
 
FÓRUM DE CAPACITAÇÃO SOBRE BALANÇOS 3
 George Trindade, presidente da Jucese: “tudo que a Junta Comercial está fazendo, em parceria com a classe contábil, é para melhorar o registro mercantil”
 
Com a normatização do arquivamento de balanços, diversos processos começaram a ficar em exigência (erros, pendências de informações), motivando, consequentemente, reclamações por parte dos profissionais da Contabilidade - principais usuários da Jucese. Reclamações essas que foram reconhecidas, acatadas, pela Junta Comercial após visita oficial do presidente do Sindcont, findando na realização do Fórum de Capacitação sobre o tema. 
 
“Como no nosso quadro técnico não temos contador para este tema específico, Elson Amorim foi convidado e se colocou à disposição para palestrar neste fórum”, explicou o presidente da Jucese, que ainda informou que: “faremos quantas turmas forem necessárias, enquanto houver participação dos usuários nos fóruns, pois tudo que a Junta Comercial está fazendo, em parceria com a classe contábil, é para melhorar o registro mercantil”.
 
Responsável pela ministração do Fórum de Capacitação, Elson Amorim, antes de iniciar a palestra, enfatizou o tratamento dado pela Jucese aos seus usuários. “É público, notório, ando por aqui há 30 anos, a proximidade com que a Jucese chegou a nós. É fantástica. Parabéns ao presidente George e a todo corpo que compõe a Jucese”, disse.
 
PALESTRA DIDÁTICA
 
FÓRUM DE CAPACITAÇÃO SOBRE BALANÇOS 5
Auxiliar contábil, Sávia Pereira: “tivemos um esclarecimento muito bom. Acredito que seja importante a Jucese cobrar os balanços conforme as normas”
  
Após o fórum da última segunda-feira, Elson Amorim crê que os participantes absorveram o conteúdo dado, sobretudo, devido ao nível de perguntas e a participação dos usuários pós-palestra. “Percebi que há um interesse muito grande por parte dos profissionais de esclarecer as dúvidas, de como proceder para arquivar um balanço avulso”, afirmou.
 
O presidente do Sindcont ressaltou ainda que: “a partir do momento em que os usuários observarem, se atentarem mais à Resolução Plenária (Nº7/2017) da Jucese e cumprindo as normas brasileiras de contabilidade, acho que a Junta Comercial vai conseguir sanar esses problemas das exigências nos processos”.
 
Conselheiro suplente do Conselho Regional de Contabilidade de Sergipe, Eronildes Elias dos Santos Júnior participou do Fórum de Capacitação e frisou a importância da iniciativa da Junta Comercial, juntamente com o Sindcont, em auxiliar os usuários. “Esse evento é de extrema importância, tendo em vista a complexidade da matéria. O Elson Amorim foi muito bem didático na apresentação e explicou muito bem aos presentes como proceder no arquivamento deste documento”, afirmou. 
 
Auxiliar contábil, Sávia Pereira também saiu do Fórum de Capacitação com sensação de aprendizado grande. “Tivemos um esclarecimento muito bom. Acredito que seja importante a Jucese cobrar os balanços conforme as normas exigidas, pois, além da questão da segurança, torna a gente muito apta a incluir aquilo que é exigido e não colocar o que é exigido”, disse. 
 
MATÉRIAS RELACIONADAS
 
 
 
 
 

HTML Map

Expresso Livre

 

suporte

fb login twitter-logo-icon-by-jon-bennallick-02 instagram logo small